Caneta e Papel

(com qualquer ou nenhuma inspiração.)

Há mais de um mês ele assumiu a presidência dos EUA. Ia postar no dia, mas alguma coisa me atrapalhou e deixei como rascunho. Resolvi recuperar o post e fazer uma homenagem justa. Não por ele ser o presidente dos norte-americanos, mas por ser o homem valoroso que é. Não é histórico apenas pela cor de sua raça, mas pela inteligência e poder de palavras. Fazia muito tempo que não viamos alguém que dominasse com quase perfeição a oratória. Esse é Barack Obama.

09020390

“(..)Estou aqui hoje humildemente diante da tarefa que temos pela frente, grato pela confiança que vocês depositaram em mim, ciente dos sacrifícios suportados por nossos ancestrais. (..)”

É incrível ver que os norte-americanos ainda tem certa sensibilidade. Não falo da oratória convincente e esperançosa do Obama, mas da população que se revelou sedenta de mudanças e conseguiu ver além dos discursos que subjugavam o resto do mundo. Não é histórico só por terem optado pelo diferente, mas por que os EUA finalmente caíram na realidade. O mundo de Alice deles desmoronou.

26562011

“(..)Hoje eu lhes digo que os desafios que enfrentamos são reais. São sérios e são muitos. Eles não serão resolvidos facilmente ou em um curto período de tempo. Mas saiba disto, América — eles serão resolvidos. Neste dia, estamos reunidos porque escolhemos a esperança acima do medo, a unidade de objetivos acima do conflito e da discórdia.(..)”

Foi impossível para mim, e creio que para todos que viveram 2002 e a eleição do Lula, não lembrar de nossa história. “A esperança venceu o medo”. Parecia que ouvia o Lula dizendo isso. Dadas as devidas proporções, fizemos história primeiro, acordamos antes. E senti aquele mesmo sentimento de que não elegemos deuses, mas homens com propósitos, sonhos e que trazem em si a força da superação.

obama1

“(..)mas, nas palavras da escritura, chegou o tempo de pôr de lado as coisas infantis. Chegou o tempo de reafirmar nosso espírito resistente; de escolher nossa melhor história; de levar adiante esse dom precioso, essa nobre ideia, transmitida de geração em geração: a promessa dada por Deus de que todos são iguais, todos são livres e todos merecem a oportunidade de perseguir sua plena medida de felicidade.(..)”

Obama assumiu sua pátria e agora vamos ver a que veio. Os presidentes norte-americanos, na verdade, governam pra lá e pro mundo todo. Impossível vai ser agradar aos gregos e troianos. Mas esperemos em Deus que ele encontre o meio termo, sempre a mais sensata e sábia das decisões. Vida que segue.

obama2 “(..)Esse é o preço e a promessa da cidadania. Essa é a fonte de nossa confiança — o conhecimento de que Deus nos chama para moldar um destino incerto.(..)‘Que seja dito ao mundo futuro … que na profundidade do inverno, quando nada exceto esperança e virtude poderiam sobreviver … que a cidade e o país, alarmados diante de um perigo comum, avançaram para enfrentá-lo’.(..)”

Barack Hussein Obama, discurso de posse.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: