Caneta e Papel

(com qualquer ou nenhuma inspiração.)

Dia desses, alguém me disse: “tu devias olhar mais pro teu redor“. A pauta era alguém que, possivelmente, gostava de mim. Daí, surgiu a intriga: como assim olhar ao redor, se tudo que mais faço é isso?

Talvez eu esteja deixando passar despercebido. Dizem que quem tá de fora vê melhor. No entanto, continuo com minha convicção de que vejo exatamente como são as coisas. Ou, pelo menos, sem nenhum pingo de fantasia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: